sábado, 5 de abril de 2014

IRS trama 11 mil militares da GNR
Finanças e GNR com valores diferentes nos rendimentos dos serviços gratificados
Getty Images Tamanho Letra Imprimir Comentar Enviar Partilhar Ler Comentários URL Estudo Quais são as profissões mais infiéis? Um site de encontros para pessoas casadas quis saber quais as profissão de quem procura uma relação extraconjugal. Hoje, 17h52 Nº de votos (0) Comentários (0) Por:M.M.S. Será que os homens que têm a profissão de comerciais e as mulheres donas de casa são mais infiéis do que os professores, engenheiros ou operários fabris? O site de encontros para pessoas casadas, Ashley Madison, garante que sim

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/quais-sao-as-profissoes-mais-infieis
Getty Images Tamanho Letra Imprimir Comentar Enviar Partilhar Ler Comentários URL Estudo Quais são as profissões mais infiéis? Um site de encontros para pessoas casadas quis saber quais as profissão de quem procura uma relação extraconjugal. Hoje, 17h52 Nº de votos (0) Comentários (0) Por:M.M.S. Será que os homens que têm a profissão de comerciais e as mulheres donas de casa são mais infiéis do que os professores, engenheiros ou operários fabris? O site de encontros para pessoas casadas, Ashley Madison, garante que sim

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/quais-sao-as-profissoes-mais-infieis
IRS trama 11 mil militares da GNR
Finanças e GNR com valores diferentes nos rendimentos dos serviços gratificados
Últimas
Morreu José Wilker, o 'Roque Santeiro'
Tinha 66 anos, o ator que protagonizou telenovelas como 'Roque Santeiro' e 'Gabriela'.

 Afegãos escolhem sucessor de Karzai, fraude e violência são únicas certezas
Ana Fonseca Pereira 05/04/2014 - 07:48
 Há três candidatos favoritos e nenhum vencedor anunciado. Ninguém pede já eleições livres e justas, mas um escrutínio que permita manter o país longe do espectro da guerra civil 1 / 7 Showing image 1 of 7 0 Percorrendo quilómetros a pé, arriscando demasiadas vezes a própria vida e sem garantias de que o seu voto será contado, os afegãos vão neste sábado às urnas para escolher entre oito candidatos o sucessor de Hamid Karzai, naquela que (pelo menos formalmente) será a primeira transição democrática na história do Afeganistão. Com as tropas da NATO de partida, quase tudo no futuro mais próximo do Afeganistão depende destas presidenciais, mas se algo está garantido à partida é que este será um processo demorado, recheado de fraudes e desestabilizador
No Name Boys - Os Sem Medo

Nova prescrição de antigo diretor no caso BCP
Foto de arquivo (foto D.R.)
Por Redação

Depois de o fundador do BCP, Jardim Gonçalves, ter visto prescrever uma multa de um milhão de euros, agora foi a vez de um antigo diretor daquela entidade bancária a escapar ao pagamento de uma multa.

Segundo o DN, o juiz do Tribunal de Pequena Instância Criminal determinou que uma multa de 650 mil euros que devia de ser paga por Luís Gomes, antigo diretor do BCP, caducou.

Luís Gomes era um dos arguidos no processo de contraordenação instaurado pelo Banco de Portugal.
Jovem acorda do coma ao som dos golos de Ronaldo
Jovem teve um acidente em Agosto de 2013 e esteve três meses em coma até despertar ao som dos golos de Cristiano Ronaldo. Esta terça-feira realizou o sonho de ver um jogo do Real Madrid e de conhecer o craque português.
Cristiano Ronaldo compra hotel em Madrid
Veja na Revista Vidas quais os novos investimentos do craque.

Últimas
Funcionários das Finanças sequestrados durante uma hora
Assaltante entrou no edifício armado e com capacete na cabeça


Últimas
Miguel Frasquilho é o novo presidente da AICEP
Deputado do PSD vai substituir Pedro Reis.
Ourives milionário recebe subsídio de desemprego
Inspetor da PJ dava informações a rede de tráfico de ouro.
Adjunto de Oliveira e Costa na comissão do IRS
Antigo adjunto do ex-patrão do BPN foi perito nos polémicos perdões fiscais de Cavaco Silva. Leia tudo no CM.
Adjunto de Oliveira e Costa na comissão do IRS Antigo adjunto do ex-patrão do BPN foi perito nos polémicos perdões fiscais de Cavaco Silva. Leia tudo no CM.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/atualidade/adjunto-de-oliveira-e-costa-na-comissao-do-irs
Adjunto de Oliveira e Costa na comissão do IRS Antigo adjunto do ex-patrão do BPN foi perito nos polémicos perdões fiscais de Cavaco Silva. Leia tudo no CM.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/atualidade/adjunto-de-oliveira-e-costa-na-comissao-do-irs

Posted: 09 Mar 2014 07:09 PM PDT
http://3.bp.blogspot.com/-AoCtCRg5ahw/Ux0eN5pFbFI/AAAAAAAAB-0/jgFcEC-kgAM/s1600/Russia_UAS__nuclear_arms.jpg
A coisa está ficando feia... muito feia...

Vários vídeos filmados por moradores mostram soldados americanos.

Esse é um dos vídeos, um pequeno grupo de mariners americanos entrando em uma praça de Kiev.

O Exército Americano informou que não possui tropas no local, e que os soldados filmados são mercenários da Blackwater. O mesmo tipo de coisa foi afirmada a algum tempo atrás, quando foram filmados no norte do Paquistão.
Observe que dias atrás, a Rússia enviou milhares de soldados sem identificação para a Ucrânia, alegando que se tratava de "forças de auto-defesa da região autônoma da Crimeia".

EUA tem soldados no local e alega não são seus e a Rússia possui soldados no local e também diz que não são seus.

A situação está se tornando no mínimo estúpida, ou é o cúmulo da hipocrisia.

Em resposta a presença americana, os russos resolveram enviar as mais suas tropas para defender o porto.
O vídeo abaixo foi filmado a 10 horas atrás.


E as forças ucranianas se preparam para receber os russos na fronteira




No vídeo abaixo, mostra um jornalista da Bulgária (Canal 4), que estava fazendo cobertura jornalística em Simferopol (capital da Crimeia) e é atacado por para-militares russos (Cosakos) que colocam a arma na cabeça dele e tomam a sua câmera, e agentes da FSB (antiga KGB) aparecem como Black Blocks e roubam o celular, a carteira, e os pertences do jornalista, e todos fogem numa Van branca sem placas, que fingia estar descarregando algo no fundo.


Ucrânia não pagou o combustivel de todo o mês de fevereiro para a Gazprom (Estatal russa)
http://www.reuters.com/article/2014/03/05/ukraine-crisis-gas-idUSL6N0M228B20140305
http://www.un.org/News/dh/photos/large/2014/March/03-05-2014Jan_Eliasson.jpg
https://pbs.twimg.com/media/Bh89HzlIYAAe5Yp.jpg:large
Bandeira ucraniana sendo colocada de volta no parlamento do estado de Donetsk
http://www.world-nuclear.org/uploadedImages/org/info/ukrainemap.gif


Apagão em breve - As usinas nucleares da Ucrânia estão prestes a ficar sem combustível, devido os bloqueios que impedem a chegada de material radioativo na região.
http://www.world-nuclear.org/info/Country-Profiles/Countries-T-Z/Ukraine/
https://pbs.twimg.com/media/Bh915pWCcAI5vjQ.jpg:large
Navios militares russos cercaram o porto de Sevastopol e exigem a rendição da marinha ucraniana
http://www.novosti.rs/upload/images/2014/03/05n/09.jpg
Militares russos no porto de Sevastopol

Estados Unidos oficializam sanções a Rússia. Documento pode ser visto diretamente no site oficial de relações exteriores dos Estados Unidos
http://foreignaffairs.house.gov/sites/republicans.foreignaffairs.house.gov/files/ROYCE_082_xml.pdf

Via: Verdades Especiais
http://feeds.feedburner.com/~r/LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde/~4/P5R4UrmFZjk?utm_source=feedburner&utm_medium=email
Posted: 09 Mar 2014 05:36 PM PDT

Nas últimas semanas tem aumentado os conflitos na região do Monte do Templo em Jerusalém. A polícia israelense chegou a invadir o local para dispersar protestos usando gás lacrimogênio e balas de borracha.

O motivo das novas manifestações foram as propostas de parlamentares judeus pedindo um aumento do controle de Israel sobre o local.

Um porta-voz da polícia relatou disse que cerca de 20 jovens palestinos atiraram pedras e rojões contra policiais. A polícia foi chamada e prendeu três pessoas que estavam mascaradas. Os muçulmanos chamam o local de Santuário Sagrado, onde está localizada uma das mais famosas mesquitas do mundo, o Domo da Rocha. Para eles, foi ali que Maomé teria ascendido ao céu.



Os judeus normalmente oraram abaixo, no Muro das Lamentações, mas defendem que neste local ficava o Templo de Salomão. Por séculos tem ocorrido ali conflitos territoriais e religiosos entre israelenses e árabes.

Nos últimos meses o Parlamento israelense vem debatendo uma proposta dos nacionalistas para estender o acesso dos judeus no local. O deputado nacionalista Moshe Feiglin, do partido Likud, o mesmo do premiê Benjamin Netanyahu, tem recebido muitas críticas por liderar o esforço. Feiglin fez um comunicado público, conclamando que Israel “perceba seu direito de soberania sobre o Monte”.

Os moderados acreditam que isso pode ser considerado uma declaração de guerra, pois segundo o diretor-geral da Waqf, judeus extremistas planejam colocar uma bandeira israelense no local. A Waqf é a autoridade islâmica da Jordânia, responsável pela administração do local.

Azzam Khatib, seu diretor, pediu que o governo intervenha para evitar maiores conflitos. O presidente palestino Mahmoud Abbas emitiu um comunicado condenando o ocorrido. “Algumas investidas não são apenas um perigo para locais sagrados, mas também criam uma atmosfera que irá aumentar a violência e o ódio e converter o confronto em um perigoso conflito religioso”, ressaltou.

Embora esse tipo de incidente receba pouca atenção das agências de notícia fora de Israel, está no centro da controvérsia milenar sobre a reconstrução do Templo de Salomão, que para muitos seria o Terceiro Templo. Desde o ano passado crescem os rumores sobre essa possibilidade, que é vista como o cumprimento da antiga profecia bíblica e estaria ligada a vinda do Messias.

Em agosto de 2013, o Instituto do Templo, juntamente com várias outras organizações ortodoxas começaram a preparação dos novos sacerdotes, dando um importante passo na restauração dos sacrifícios rituais, nomeando novos levitas. Também mostrou que já estão prontas todas as peças necessárias para o local conforma a descrição bíblica. Com informações Haaretz.

Fonte: Gospel Prime
http://feeds.feedburner.com/~r/LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde/~4/XUQHRODtGK8?utm_source=feedburner&utm_medium=email
Posted: 09 Mar 2014 04:18 PM PDT
https://c.o0bg.com/rf/image_960w/Boston/2011-2020/2014/03/03/BostonGlobe.com/Business/Images/tufts-big.jpg
E o transhumanismo caminha a largos passos, junto com o controle que ele possibilitará. Ao mesmo tempo que vemos uma potencialmente benéfica tecnologia, que permitiria integrar os comandos cerebrais com computadores, o Darpa investirá 70 milhões de dólares para desenvolver um novo implante capaz de rastrear e responder aos sinais do cérebro em tempo real. Você não seria ingênuo o suficiente para achar que este implante será para o seu bem, ou seria?

Se espera que no futuro os seres humanos possam se comunicar com os computadores através dos pensamentos, sem comandos de toque. os cientistas esperam integrar esta tecnologia em produto portáteis, como o
Google Glass.



Cientistas americanos da Universidade de Tufts, Michigan, desenvolveram uma nova tecnologia que poderá ajudar a facilitar a comunicação entre o cérebro humano e os computadores.

Segundo o
Boston Globe, eta tecnologia de varredura do cérebro poderia ajudar potencialmente aos humanos a realizar uma série de tarefas, que vão desde processos simples tais como uma recomendação de escolha de filmes, baseada na reação individual, ate trabalhos importantes como o controle do tráfego aéreo.

Durante um teste dirigido por pesquisadores de Tufts, um estudante de pós graduação podia controlar entre quatro e sete aviões durante uma simulação e não sentia excessiva tensão em nenhum momento.

Se for bem sucedido, o informático Robert Jacob e o engenheiro biomédico Sergio Fantini esperam integrar a tecnologia em produtos portáteis para utilizá-lo na vida cotidiana.

A equipe de Jacob não é um único que estuda a tecnologia do escaneamento cerebral. A Agência de Projetos de Investigação Avançada de Defesa do Pentágono (DARPA)
anunciou que investirá 70 milhões de dólares para desenvolver um novo implante capaz de rastrear e responder aos sinais do cérebro em tempo real.

Fontes:
-
RT: Científicos intentan sincronizar el cerebro humano con computadores
-
Boston Globe: Headband could help brain communicate with computers
-
RT: DARPA desarrolla un dispositivo capaz de 'leer' el cerebro en tiempo real

Blog Anti Nova Ordem Mundial:
Cientistas Tentam Sincronizar o Cérebro Humano com Computadoreshttp://feeds.feedburner.com/~r/LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde/~4/DNIobQfvT7k?utm_source=feedburner&utm_medium=email
Posted: 09 Mar 2014 03:11 PM PDT
Supermercado com prateleiras vazias, em Maracay, a 100 km de Caracas, em 25 de fevereiro de 2014
Patricia Gamboa é um dos muitos venezuelanos que chegam ao supermercado governamental de San Cristóbal (oeste) às 2 horas da manhã, seis horas antes da abertura das portas do estabelecimento, na tentativa de ser a primeira da fila e assim poder comprar qualquer coisa que encontre pela frente.

Amanhece e cerca de 200 pessoas já estão na fila atrás de Patrícia, todos com o pulso pintado de verde para marcar quem chegou primeiro ao Supermercado Bicentenario.

A rua está bloqueada pelas barricadas que os manifestantes espalharam em vários pontos da cidade para protestar, entre outras coisas, contra a escassez de alimentos e produtos básicos, em um país que possui as maiores reservas petroleiras do mundo.


A Venezuela sofre com uma aguda escassez de produtos, mas em San Cristóbal, onde começaram os protestos de 4 de fevereiro, encontrar farinha, manteiga, óleo, ou leite, é uma verdadeira odisseia.

Patricia, que tem 58 anos e conseguiu ser a primeira da fila, nem se preocupa em ter uma lista de compras.

"Vou comprar o que tiver", afirma, expressando a intenção de todos que estão na fila.

Os clientes só podem comprar no Bicentenario em determinados dias, dependendo dos últimos números de sua cédulas de identidade. E, além da marcação de tinta no pulso das pessoas que estão na fila, ainda são distribuídas senhas.

Em outros pontos da cidade, em dois supermercados do setor privado, as filas se estendem por mais de 200 metros.

- Sem pão até terça -

O vice-presidente da Associação de Padeiros do estado de Táchira, Armando Mirando, disse à AFP que San Cristóbal poderá ficar sem pão até terça-feira, pois os caminhões que transportam farinha e manteiga se negam a ir para essa localidade por causa dos tumultos das últimas semanas.

"Já havia escassez antes, e agora não chega nada", comenta Mirando, depois de participar na "conferência de paz" organizada pelo governo para achar uma saída para os protestos.

Fonte: http://noticias.br.msn.com/venezuelanos-penam-em-longas-filas-nos-supermecadoshttp://feeds.feedburner.com/~r/LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde/~4/EsDx_rG_jMo?utm_source=feedburner&utm_medium=email
Posted: 09 Mar 2014 06:12 AM PDT
http://imguol.com/c/noticias/2013/10/25/25out2013---o-primeiro-ministro-da-italia-enrico-letta-esq-a-chanceler-da-alemanha-angela-merkel-centro-e-o-presidente-do-conselho-europeu-dir-conversam-antes-de-reuniao-na-sede-da-uniao-1382703945655_956x500.jpg

Dias atrás, já havíamos publicado uma notícia sobre a intenção da União Europeia de nomear um "Super Presidente" (
veja aqui), e pelo visto eles não estão de brincadeira...

Alemanha, França e outros nove países mais poderosos da Europa apelam por um presidente da União Europeia eleito e um fim ao veto da Grã-Bretanha sobre a política de defesa em um plano radical de mapeamento do futuro do continente.

Em um documento divulgado na terça-feira depois de uma reunião entre os 11 ministros de Relações Exteriores em Varsóvia, do bloco, que inclui todos os maiores países europeus fora a Grã-Bretanha, foi traçada uma visão para o "futuro da Europa".

Além de um pedido para um chefe-de-estado eleito para a Europa, o bloco exigia uma nova política de defesa, sob o controle de um novo ministério de relações exterirores da EU comandado por Catherine Ashton, que "poderia, posteriormente, ter um exército europeu".



A fim de "impedir um único Estado membro de ser capaz de obstruir iniciativas", uma referência à oposição britânica de um exército europeu, o grupo liderado pela Alemanha exigiu o fim de vetos nacionais existentes sobre a política externa e de defesa.

Isso daria à UE o poder de impor uma decisão sobre a Grã-Bretanha se for apoiado por uma maioria de outros países.

O plano, que tem o apoio da Alemanha, França, Itália, Espanha, Polônia, Holanda, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Luxemburgo e Portugal, provavelmente dará forças aos pedidos para um referendo britânico sobre sua adesão à União Europeia.

O documento também propõe novos poderes para o Parlamento Europeu e divisão adicional da UE através da criação de uma nova sub-câmara parlamentar para os 17 países da zona do euro.

Em uma declaração conjunta, Guido Westerwelle e Radek Sikorski, os ministros das Relações Exteriores da Alemanha e da Polônia, pediram a criação de um presidente único da UE, governando a comissão e supervisionando reuniões regulares de governantes, que seja eleito diretamente pelos eleitores em uma votação pan-europeia" no mesmo dia em todos os estados membros".

"Para que a Europa seja uma atuante realmente forte e líder global, ela precisa de uma configuração institucional forte", disseram Westerwelle e o Sr. Sikorski. "Ela precisa de um presidente eleito diretamente que pessoalmente nomeie os membros do seu "governo europeu".

Em outra grande mudança, os 11 países pediram que as alterações dos tratados europeus passassem a ser adotadas e implementadas "por uma maioria qualificada de Estados membros da UE" em vez de unanimidade, significando que tratados já não poderão ser impedidos de entrar em vigor por causa de votos negativos em referendos populares.

O documento segue o pedido da semana passada de José Manuel Durão Barroso para que a UE se torne uma "federação" e apelos crescentes na Grã-Bretanha por um referendo sobre qualquer novo tratado europeu ou constituição.

Um porta-voz do Governo britânico disse: "Essa é apenas uma contribuição para o debate, que está apenas começando. O Reino Unido vai desempenhar um papel pleno e ativo nesse debate."

Nigel Farage, líder do UKIP, descreveu a proposta de constituição da UE, que surgiu em resposta à crise da zona do euro, como um "novo acordo europeu".

"Parece e é totalmente hostil às esperanças e aspirações do país. O governo quer negociar, assim como o Continente, mas eles não se entendem, pois têm intenções diferentes", disse ele. "Nós agora sabemos o que eles querem, nós sabemos que não vão conseguir o que queremos, então agora é a hora de oferecer às pessoas uma escolha na nossa adesão à UE".

A grande intervenção por cinco dos seis maiores países da UE aumentará os pedidos dos conservadores na Câmara para um referendo sobre a Europa.

Steve Baker, um membro do parlamento de Wycombe, advertiu que as propostas para tirar a Grã-Bretanha de seu poder de veto sobre a defesa ou a política externa seria "o fim do Reino Unido como um país independente".

"A UE está a emergir como um estado de pleno direito que não está sob o controle democrático", disse ele." Qualquer idéia de fazer essas mudanças sem o consentimento do povo britânico seria criminosa."

Fonte: The Telegraph e http://deolhonafigueira.blogspot.com.br/http://feeds.feedburner.com/~r/LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde/~4/4l6k-3Df3UY?utm_source=feedburner&utm_medium=email
Posted: 09 Mar 2014 05:05 AM PDT
http://2.bp.blogspot.com/--4R0GQIN-M0/UcGp9K_ixoI/AAAAAAAAgwA/zPLlsfQmp0M/s320/china-bubble.png
Grande bolha e explosões brutais... Trazendo Falências, Bond Busts...

O chefe do fundo soberano da China observou em 2009: "China e América estão guardando bolhas, criando mais bolhas".

Ele está certo ...

Excesso de crédito global é pior do que antes do acidente de 2008.

Os EUA e o Japão foram aliviando como um louco, mas - como hedge Zero nota - A China tem sido muito pior:
http://www.zerohedge.com/sites/default/files/images/user5/imageroot/2013/11/China%20vs%20US%20Bank%20Assets%20-%20Total%20and%20Change_0.jpg


Aqui está apenas a mudança no trans-correr de 5 anos:
http://www.zerohedge.com/sites/default/files/images/user5/imageroot/2013/11/China%20vs%20US%20Bank%20Assets_1_0.jpg

Você leu certo : nos últimos cinco anos, o total de ativos em livros bancários nos EUA subiram em um reles de 2100000000000 dólares americanos , enquanto , no mesmo período , os ativos dos bancos chineses têm explodido por uma inédita 15400000000000 dólares bater um gigantesco CNY147 trilhões ou um épico 24000000000000 dólar - cerca de duas vezes e meia o PIB da China!

Colocando a taxa de mudança de perspectiva , enquanto que o Fed estava ativamente a bombear 85.000 milhões dólares por mês em bancos norte-americanos para um total de $ 1 trilhão por ano , apenas nos últimos 12 meses encerrados em 30 de setembro de ativos dos bancos chineses cresceu um alucinante $ 3,6 trilhão !

Aqui está como o Diapason Sean Corrigan observou este desequilíbrio épico na criação de liquidez :

Total de ativos bancários chineses atualmente estão em algum CNY147 trilhão, cerca de 2 ½ vezes o PIB . Como tal, eles dobraram nos últimos quatro anos de investimento cada vez mais deslocada e frenética especulação imobiliária , somando o equivalente a 140% da média do PIB - ou , em dólares, 12500000000000 dólares - para os livros. Para efeito de comparação , no mesmo período , os bancos norte-americanos acrescentaram pouco menos de US $ 700 bilhões, 4,4% do PIB da média, 18 vezes menos do que os seus homólogos chineses - e isto num período em que a tendência predominante tem sido para que este faça o que for preciso para manter compromissos fora dos seus balanços e à espreita nas sombras ' "!

De fato, o aumento dos ativos bancários chineses durante esse quadriênio vertiginoso é igual a nada menos do que sete oitavos de total de ativos em circulação de todas as instituições seguradas pela FDIC ! Ele também compara a 30% dos ativos dos bancos da zona do euro .

Números de fluxo verdadeiramente épico , e como insustentável a longo prazo. e aqui:

http://www.zerohedge.com/sites/default/files/images/user5/imageroot/2013/11/China%20banks%20teaser_1_0.jpgEntão qual é o problema?

Bem , a agência financeira de maior prestígio do mundo - banco central dos bancos centrais , o chamado Bank of International Settlements ou " BIS " - há muito tem criticado o Fed e outros bancos centrais para soprar bolhas. O Banco Mundial e os principais economistas concordam . Assim como muitos outros.

Como tal , foi fácil para nós prever um acidente na China, quando a bolha entra em colapso.

Discutimos em 2009 esse período de crédito fácil da China foi análoga à flexibilização da política monetária dos Estados Unidos a partir de 2001 ... e Roma está em 11 aC

Notamos em 2009 e em 2011 contra o que a China está sofrendo de um monte dos mesmos mal-estares como a economia norte-americana , incluindo a corrupção, o capitalismo de compadrio , e falta de divulgação e inadimplência.

Em 2010 , pedimos "Quando a bolha da China vai estourar? "
Da China US $ 23 trilhões Dólares de bolha de crédito está estourando

International Business Times observou o ano passado que a indústria de aço da China endividada está à beira da falência.

Quartz informou em dezembro que uma empresa enorme de carvão chamada Liansheng Resources Group declarou falência com 30 bilhões de yuans (US $ 5 bilhões) em dívidas.

Sabedoria chinesa para Negócios argumenta (via China Gaze ) que ondas de falências são marcantes em 10 indústrias chinesas : (1) a construção naval , (2) de ferro e aço (3 ) Iluminação de LED; (4) Mobiliário ; (5) desenvolvimento imobiliário ; (6) de transporte de carga ; ( 7 ) as instituições de confiança e financeiros; (8) gestão financeira; (9) private equity , e ( 10) a compra do grupo .

AP observa hoje:

As autoridades chinesas permitiram o primeiro default de obrigações de empresas do país , infligindo perdas com os pequenos investidores em uma etapa dolorosa para tornar seu sistema financeiro mais orientada para o mercado.

Um fabricante de Shanghai de painéis solares pagos apenas parte de 90 milhões de yuans (US $ 15 milhões) em juros [ que devia ] ...

Até agora , Pequim tem socorrido empresas em dificuldades para preservar a confiança nos mercados de crédito. Mas o Partido Comunista assumiu o compromisso de tornar a economia mais produtiva , permitindo as forças de mercado um papel maior.

Time pergunta se a China chegou ao seu "momento Bear Stearns " :

A perigosa acumulação de dívida e uma explosão arriscada e pouco regulamentado setor bancário sombra levantaram sérias preocupações sobre a saúde da economia da China . É por isso que o colapso Chaori - o primeiro em território nacional mercado de títulos corporativos da China - provocou temores de que o país poderá ser dirigido para uma crise econômica em pleno desenvolvimento como aquela que bateu Wall Street em 2008. "Acreditamos que o mercado será atingido ao estágio Bear Stearns ", alertou o estrategista David Cui e sua equipe no Bank of America -Merrill Lynch em um relatório para investidores.

A preocupação de Cui e outros é que o colapso Chaori será o ponto de dica para um desmoronamento do sistema financeiro da China. O colapso poderia acordar investidores e banqueiros para a percepção de que as empresas que achava que eram apostas seguras não são potencialmente , e eles poderiam começar a reavaliar outros empréstimos e investimentos para outras empresas. Em outras palavras , eles podem começar a redefinir o que é eo que não é arriscado. Isso poderia, então, levar a uma crise de crédito, quando os banqueiros nervosos tornam-se cautelosos em emprestar dinheiro , ou de empréstimos a taxas de juros acessíveis. Mais falências poderão resultar. Que, eventualmente, faz com que os mercados financeiros venha a travar - e acabamos fazendo a transição de um momento Bear Stearns para um momento Lehman Brothers , quando o setor financeiro derrete . "Achamos que a reação em cadeia irá provavelmente começar ", escreveu Cui . " Nos EUA, que levou cerca de um ano para chegar à fase Lehman quando o mercado entrou em pânico ... Avaliamos que pode demorar menos tempo na China. "

O Financial Post relatou em janeiro:

Os EUA e a Europa aprenderam da maneira mais difícil sobre os perigos de bancos-sombra da crise financeira , mas, cinco anos depois , a China parece pronta para começar a sua própria lição dolorosa sobre o que pode acontecer quando grandes fluxos de capital são desviados para os cantos não regulamentados do sistema financeiro .

***

"Estimamos que 88% das receitas de empresas de confiança chinesas estão em risco , a longo prazo", disse McKinsey e Ping An .

***

O investidor bilionário George Soros escreveu recentemente em um site de notícias populares que o default iminente eo medo crescente que se reflete no mercado chinês tem " semelhanças sinistras " para com a crise mundial de 2008 .

A grande figura : o $ 23000000000000 dólares da bolha de crédito chinesa está começando a entrar em colapso.

Como Michael Snyder escreveu em janeiro:

Poderia ser um "momento Lehman Brothers " para a Ásia . E uma vez que o sistema financeiro global está mais interligado do que nunca , isso seria uma péssima notícia para os Estados Unidos também. Desde o Lehman Brothers entrou em colapso em 2008, o nível de crédito doméstico privado na China aumentou de US $ 9 trilhões para um espantoso 23 trilhões de dolares . Isso representa um aumento de US $ 14 trilhões em apenas um pouco mais de 5 anos . Muito do que o "dinheiro quente " fluiu para ações, títulos e imobiliário nos Estados Unidos . Então, o que você acha que vai acontecer quando essa bolha colapsar ?

A bolha da dívida privada que vimos inflar na China desde a crise de Lehman é diferente de tudo que o mundo já viu. Nunca antes tanta dívida privada foi acumulada em um curto período de tempo. [ Nota: A dívida privada é muito mais perigosa do que a dívida pública. ] Tudo isso ajudou a dívida combustível enorme do crescimento econômico na China , mas agora um monte de empresas chinesas estão percebendo que elas têm criado dívidas em muito, muito acima de suas cabeças . Na verdade, ela está sendo projetada que as empresas chinesas irão pagar o equivalente a cerca de um trilhão de dólares em pagamentos de juros só este ano. Isso é mais que o dobro do montante que o governo dos EUA vai pagar em juros em 2014.

***

Como o Telegraph apontou um tempo atrás, os chineses têm essencialmente " replicado todo o sistema bancário comercial dos EUA" em apenas cinco anos ...

Crédito total saltou de US $ 9 trilhões para 23000000000000 dólares desde a crise do Lehman. "Eles têm replicado todo o sistema bancário comercial dos EUA em cinco anos", disse ela.

O rácio de crédito em relação ao PIB subiu em 75 pontos percentuais para 200pc do PIB , em comparação com cerca de 40 pontos em os EUA ao longo de cinco anos que antecederam a bolha do subprime , ou no Japão, antes da bolha Nikkei estourar em 1990. "Isso está além de qualquer coisa que já vimos antes em uma grande economia. Nós não sabemos como isso vai se passar. Os próximos seis meses serão cruciais ", disse ela .

Tal como acontece com todas as outras coisas no mundo financeiro , o que sobe tem , eventualmente, vindo para baixo.

***
O grande problema subjacente é o fato de que a dívida privada e a oferta de moeda ambos foram crescendo muito rapidamente na China . De acordo com a Forbes, M2 na China aumentou 13,6 por cento no ano passado ...

E, ao mesmo tempo da China oferta de moeda e de crédito ainda estão se expandindo . No ano passado, o M2 observado de perto aumentou apenas 13,6% , abaixo dos 13,8 % de crescimento , 2012 . Os otimistas dizem que a China está começando a sua dependência de crédito sob controle, mas isso não é correto. Na verdade , o crédito expandiu-se pelo menos 20 % no ano passado como o dinheiro derramado em novos canais não mensurados por estatísticas tradicionais.

No geral, M2 na China é de cerca de 1.000 por cento desde 1999. Isso é absolutamente insano .

***

Mas eu não sou o único a falar sobre isso.

Na verdade, o Fórum Econômico Mundial adverte sobre exatamente a mesma coisa ...

Crises fiscais desencadeadas por níveis de dívida balonismo em economias avançadas representam a maior ameaça para a economia global em 2014, um relatório do Fórum Econômico Mundial , alertou .

***

O que vem acontecendo no sistema financeiro global é completamente e totalmente insustentável , e é inevitável que tudo está caminhando horrivelmente para desabar em algum momento durante os próximos anos .

É apenas uma questão de tempo.

Fonte:  http://www.washingtonsblog.com/author/washingtonsblog e UNDhttp://feeds.feedburner.com/~r/LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde/~4/iMkxT5HGufM?utm_source=feedburner&utm_medium=email
Posted: 09 Mar 2014 04:50 AM PDT
O que irá acontecer às usinas nucleares ucranianas?

A Rosatom requereu à Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) a verificação das condições de segurança das usinas nucleares da Ucrânia.

Essa informação foi divulgada pelo vice-premiê do governo da Rússia Dmitri Rogozin que tinha apresentado essa intensão da Rosatom ao presidente Vladimir Putin.

Na situação de extrema instabilidade política e econômica que se vive na Ucrânia, a segurança das instalações de energia nuclear deixa de ser um problema interno e passa a ser um problema internacional.

Neste momento no território da Ucrânia funcionam 15 geradores distribuídos por quatro usinas nucleares mais os quatro geradores selados da usina nuclear de Chernobyl. As usinas funcionam em regime normal de exploração, mas existem receios fundamentados acerca da eficácia da sua proteção, considera Dmitri Rogozin. Esse tipo de instalações sensíveis, em condições de caos objetivo, atrai sempre os extremistas e os potenciais interessados em usar a segurança dessas usinas em chantagens com objetivos políticos.



Além disso, nos últimos tempos surgiram problemas com o trânsito de combustíveis nucleares através da Ucrânia com destino aos parceiros da Federação Russa na Europa Oriental. Também a Ucrânia não está sendo abastecida e só tem reservas de combustível para mais um mês. A situação criada não só ameaça fisicamente a própria Ucrânia em caso de possíveis atentados, mas também cria riscos econômicos para a Rússia. Também poderá ser afetado o balanço energético da Ucrânia. Esse é um fator muito perigoso, considera o perito em física nuclear e energia atômica Igor Ostretsov:

“A energia nuclear desempenha um papel enorme na Ucrânia porque este país ocupa o segundo lugar a nível mundial em geração de energia elétrica com base na fissão nuclear. A Ucrânia tem as usinas de Rivne e Khmelnitsky, com quatro e dois geradores respectivamente, e o maior gerador em Zaporozhie. O país é extremamente dependente da energia nuclear. Nas atuais condições é perigoso explorar essas instalações, especialmente nas regiões ocidentais: no leste do país a população é mais desenvolvida tecnologicamente. Rogozin colocou a questão de uma forma totalmente correta, mas se pararmos a produção de energia as consequências serão terríveis.”

Atualmente a segurança do perímetro das instalações é mantida por empresas provadas de segurança e por forças do MAI e dos Serviços de Segurança da Ucrânia. Contudo, e considerando a presente situação, inclusive nas fileiras das forças de segurança, a sua proteção começa a ser o problema dominante.

Este é o comentário do vice-presidente do Comitê da Duma de Estado para os Recursos Naturais, Ambiente e Ecologia Maxim Shingarkin:

“O aspeto mais importante da manutenção da segurança das instalações nucleares não é só o cumprimento das regras de segurança na produção de energia, mas também a proteção das usinas como instalações particularmente sensíveis. Além dos reatores em funcionamento, elas possuem uma série de partes e mecanismos que, se forem sujeitas a sabotagem, darão origem a consequências imprevisíveis. Para que não ocorra uma explosão do combustível nuclear é preciso proteger não só o reator e o perímetro da usina, mas também o seu sistema de fornecimento elétrico.”

Maxim Shingarkin acrescenta que para uma proteção eficaz de todo o conjunto de instalações das usinas nucleares existem meios especiais de reforço. Será que a Ucrânia os está usando nas atuais condições? Hoje já não basta um “homem armado” e uma câmera de vigilância para proteger instalações estratégicas vitais deste ou de qualquer outro país em períodos de crise.

A prática internacional demonstra que, em caso de agravamento da situação relativamente a usinas nucleares, estas deverão ser protegidas por unidades especialmente treinadas, cuja existência e capacidades na Ucrânia são altamente questionáveis no período atual.

Fonte: Voz da Rússia e UND http://feeds.feedburner.com/~r/LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde/~4/4dlLufNV_zM?utm_source=feedburner&utm_medium=email


You are subscribed to email updates from LIBERTAR.in | Frente de Libertação, Restauração e Resistência
To stop receiving these emails, you may
unsubscribe now.
Email delivery powered by Google